Artigos

Vacinas contra a COVID- 19: quais os principais efeitos adversos notificados

Vacinas contra a COVID- 19: quais os principais efeitos adversos notificados

4 minutos Primeiramente é preciso ficar claro que qualquer vacina ou medicamento usado em humanos está sujeito ou possui efeitos colaterais, estes que variam de leves a moderados. Como resposta aos componentes de uma injeção, o corpo às vezes dispara vermelhidão e inchaço no local da aplicação, tontura e até febre. Em casos muito raros, certos imunizantes desencadeiam efeitos colaterais graves. Porém, o risco disso é menor do que o de sofrer pra valer com a doença contra a qual as vacinas protegem.  É Continue lendo

Ensino da técnica de uso dos dispositivos inalatórios para pessoas com deficiência intelectual

Ensino da técnica de uso dos dispositivos inalatórios para pessoas com deficiência intelectual

3 minutos Carolina Maria Xaubet Olivera é Doutora em Ciências e Mestre em Ciências Farmacêuticas pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto – Universidade de São Paulo. Atualmente, membro da equipe de farmacêuticos do Centro Brasileiro de Informação sobre Medicamentos – Cebrim, do Conselho Federal de Farmácia.. Nesse artigo, a Dra Carolina Xaubet compartilha com o Diário Farma considerações sobre dispositivos inalatórios para deficientes intelectuais: Os dispositivos inalatórios exigem o conhecimento da técnica de uso, muitas vezes complexas, para que a substância ativa Continue lendo

Doenças virais: Hepatite B

Doenças virais: Hepatite B

9 minutos DOENÇAS VIRAIS: HEPATITE B Causada pelo vírus B (HBV), a hepatite do tipo B é uma doença infecciosa também chamada de soro-homóloga. Como o VHB está presente no sangue, no esperma e no leite materno, a hepatite B é considerada uma doença sexualmente transmissível. O vírus da hepatite B é 50 a 100 vezes mais infeccioso do que o HIV. A hepatite B, descoberto em 1965, é a mais perigosa das hepatites e uma das doenças mais frequentes do mundo, estimando-se que Continue lendo

Doenças virais: Hepatite A

Doenças virais: Hepatite A

8 minutos A Hepatite A é uma doença infecciosa aguda, causada pelo vírus da Hepatite A (VHA). Este que no corpo dos seres humanos provoca inflamação e necrose do fígado. Sendo sua transmissão a fecal-oral, pelo contato com água, alimentos ou objetos contaminados. Uma pessoa infectada pelo vírus da Hepatite A pode ou não desenvolver a doença. A hepatite A ocorre em todos os países do mundo, inclusive nos países mais desenvolvidos, porém é comum em locais com baixa infraestrutura e onde há pessoas Continue lendo

Vacinas contra a COVID-19: entenda onde estamos nesse processo

Vacinas contra a COVID-19: entenda onde estamos nesse processo

7 minutos Já estamos, aqui no Brasil, com 7 meses de enfretamento a Pandemia do Sars-CoV-2, causador da doença chamada de Covid-19. Está doença que é uma pandemia e até o momento, outubro de 2020 não há sequer uma vacina aprovada para uso em humanos. Por se tratar de uma pandemia, o planeta inteiro clama por um tratamento que seja eficaz e evite mortes. Porém o processo de criação de uma vacina, não é algo rápido ou fácil de ser feito, mesmo com a Continue lendo

A interessante área de atuação do farmacêutico em Citologia Clínica

A interessante área de atuação do farmacêutico em Citologia Clínica

2 minutos No mês de Outubro temos a honra de entrevistar a Dra. Gilcilene Chaer – Presidente do CRF-DF que irá compartilhar conosco sobre a Citologia Clínica. Para quem acha que Farmacêutico só atua em farmácias, está muito equivocado. Atualmente, esse profissional pode atuar em 135 especialidades diferentes e a Citopatologia Clínica ou Citologia Clínica é uma área de atuação desafiadora e extremamente importante para a saúde da população. Desde 1.931, com o advento do Decreto Lei nº 20.377 o exercício da citopatologia ou Continue lendo

Aprofunde seus conhecimentos sobre Fitoterapia: uma promissora área de atuação Farmacêutica

Aprofunde seus conhecimentos sobre Fitoterapia: uma promissora área de atuação Farmacêutica

11 minutos Laís Flávia Nunes Lemes é doutoranda em Medicina Tropical pelo Núcleo de Medicina Tropical da Universidade de Brasília (UnB), Mestre em farmacologia, toxicologia e produtos naturais pelo programa de Ciências da Saúde da UnB, graduada em farmácia pela Universidade Católica de Brasília. Atualmente atua como docente em uma universidade privada do Distrito Federal e também como subcoordenadora do comitê de ética e pesquisa da instituição a que é vinculada. Trabalha com as disciplinas de farmacognosia e fitoterapia.   Nesse artigo ela irá Continue lendo

Perfil farmacêutico em 2020

Perfil farmacêutico em 2020

4 minutos Viviany Nicolau de Paula Dias Coelho é graduada em Farmácia-Bioquímica e possui mestrado em Patologia Molecular pela Universidade de Brasília UnB. Foi professora do Senac, Universidade de Brasília- UnB e Uniceub. Foi membro da Comissão de Ensino do Conselho Regional de Farmácia do Distrito Federal, foi membro da Comissão técnica do Instituto Nacional de Estudos e pesquisas Educacionais Anísio Teixeira- INEP/MEC para a construção do Documento Orientador para subsidiar os avaliadores nos processos de avaliação in loco referente aos Cursos de Farmácia. Continue lendo

Anvisa retira Ivermectina e Nitazoxanida do controle

Anvisa retira Ivermectina e Nitazoxanida do controle

1 minuto Claudio Ferreira é o criador e desenvolvedor do sistema SNGPC Remoto. Mais de 3000 farmácias já utilizaram seu sistema desde 2008 quando foi criado. Atualmente em torno de 500 farmácias espalhadas por todo o Brasil utilizam o sistema que pode ser obtido acessando o endereço : cma sistemas Hoje ele falará ao Diário Farma sobre alterações da Anvisa em relação a 2 medicamentos: Ivermectina e Nitazoxanida. Essa medida foi tomada na terça feira dia 01/09/20, sendo assim todos os medicamentos contendo essas substâncias, e que haviam Continue lendo

Preparação para o mercado de trabalho

Preparação para o mercado de trabalho

5 minutos Carolina Maria Xaubet Olivera é Doutora em Ciências e Mestre em Ciências Farmacêuticas pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto – Universidade de São Paulo. Atualmente, membro da equipe de farmacêuticos do Centro Brasileiro de Informação sobre Medicamentos – Cebrim, do Conselho Federal de Farmácia. A preparação para o mercado de trabalho deve se iniciar desde o momento da escolha da profissão. É importante que o aluno do ensino médio procure identificar suas habilidades e conhecer as peculiaridades das opções de Continue lendo