Vacinas contra a COVID-19: Entenda onde estamos nesse processo

Vacinas contra a COVID-19: Entenda onde estamos nesse processo

Tempo de leitura: 7 minutos

Já estamos, aqui no Brasil, com 7 meses de enfretamento a Pandemia do Sars-CoV-2, causador da doença chamada de Covid-19. Está doença que é uma pandemia e até o momento, outubro de 2020 não há sequer uma vacina aprovada para uso em humanos.

Por se tratar de uma pandemia, o planeta inteiro clama por um tratamento que seja eficaz e evite mortes. Porém o processo de criação de uma vacina, não é algo rápido ou fácil de ser feito, mesmo com a tecnologia mais avançada que temos hoje.

Toda vacina, antes de ser aprovada para uso, deve ser submetida a testes de eficácia e segurança, antes que essa seja aceita para uso em pessoas. De moro geral, quem faz esse trabalho de avaliação é a Organização Mundial da Saúde (OMS), para que a avaliação seja vista e observada por diferentes países e isso minimize fraude e erros.

Não necessariamente uma vacina tem de ser aprovada primariamente pela OMS. Esse serviço serve mais como um credenciamento ou uma garantia de status ao seu produto, que uma vez aprovado pela entidade, poderá ser usado em todo o planeta e melhor aceito em outros países.

Casos onde as empresas desenvolvedoras de vacinas e outros imunizantes, queira apenas uma abrangência nacional, são avaliados em segurança e eficácia apenas pela vigilância sanitária local.  Estas situações são mais raras, porém podem acontecer em casos específicos ou locais com situações governamentais de credibilidade duvidosa.

Caso haja uma aplicação de substância imunizante em massa, de algum produto não reconhecido pelas comunidades internacionais e este produto venha a causa danos a uma população: como doenças, deformações e/ou morte, medidas internacionais de intervenção podem ser tomadas.

Mas a que pé de desenvolvimento estamos hoje? Uma vez que uma vacina precisa passar pelas fases de teste – FASE 1 – FASE 2 e FASE  3 para então ser usada em humanos, como produto médico e a Fase 3, que é a ultima fase não possui uma duração de tempo específica e os testes podem ser interrompidos e retomados sempre que há suspeita de complicações médicas em voluntários.

Veja abaixo algumas situações divulgadas mundialmente:

VACINA SINOVA – CORONAVAC

  • Vacina em: FASE 3
  • País de origem: CHINA
  • Acordo com o Brasil: Possui tratado com Instituto Butantan (Governo de São Paulo)
  • Prazo estimado: Dezembro de 2020 para aprovação
  • Capacidade de produção: 45 milhões de  e mais 60 milhões de doses feitas no Brasil, até maio de 2021
  • Estimativa Brasileira: Brasil pretende adquirir 46milhões de doses em primeira compra
  • Status da pesquisa: Pesquisa em andamento. Não houve nenhum problema que interrompesse o processo até o momento.

VACINA DA UNIVERSIDADE OXFORD

  • Vacina em: FASE 3
  • País de origem: REINO UNIDO
  • Acordo com o Brasil: Possui tratado com Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e Ministério da Saúde
  • Prazo estimado: Dezembro de 2020 para aprovação
  • Capacidade de produção: 100 milhões de doses / semestre
  • Estimativa Brasileira: Brasil pretende adquirir 15 milhões de doses em primeira compra
  • Status da pesquisa: Pesquisa em andamento, após interrupção em setembro 2020.

INSTITUTO GAMALEYA – FUNDO RUSSO DE INVESTIMENTO DIRETO – SPUTINIK V

  • Vacina em: FASE 3
  • País de origem: RUSSIA
  • Acordo com o Brasil:  Parceria com a União Química para produção no Brasil. Acordo de compra pelo governo da Bahia e Compra de patente para produção pelo Governo do Paraná – Todos os acordos não foram revelados a público ainda, bem como a própria vacina não possui testes revelados a OMS ou mesmo a ANVISA, o que impossibilitaria uso no Brasil.
  • Prazo estimado: Produção em larga escala já no final de Dezembro de 2020 
  • Capacidade de produção: 1,2 Bilhão de doses, sendo 230 milhões para a América Latina.
  • Estimativa Brasileira: Somente governo da Bahia declara intenção de compra de 50 milhões de doses
  • Status da pesquisa: Aprovada e registrada pelo Governo Russo. Não consentido pela OMS.

VACINA PFIZER / BioNTech

  • Vacina em: FASE 3
  • País de origem: ESTADOS UNIDOS E ALEMANHA
  • Acordo com o Brasil: Nenhum declarado.
  • Prazo estimado: Até final de Dezembro de 2020 para aprovação
  • Capacidade de produção: 100 milhões de doses para outros países não produtores. Estimando 1,2 bilhão de doses até final de 2021
  • Estimativa Brasileira: Não declarada.
  • Status da pesquisa: Pesquisa em andamento.

VACINA MODERN / NIAID

  • Vacina em: FASE 3
  • País de origem: ESTADOS UNIDOS
  • Acordo com o Brasil: Não há
  • Prazo estimado: Até final de Dezembro de 2020.
  • Capacidade de produção: 100 milhões de doses e 2020 e mais 400 milhões de doses em 2021
  • Estimativa Brasileira: Não há
  • Status da pesquisa: Pesquisa em andamento.

VACINA JANSSEN – Johnson & Johnson

  • Vacina em: FASE 3
  • País de origem: BELGICA
  • Acordo com o Brasil: Não há
  • Prazo estimado: Início de 2021.
  • Capacidade de produção: 1 bilhão de doses por ano.
  • Estimativa Brasileira: Não há
  • Status da pesquisa: Pesquisa Pausada por complicações em voluntários.

VACINA COVAX FACILITY – OMS

  • Vacina em: FASE 3
  • País de origem: CONSÓRCIO DE PAÍSES MEMBROS – OMS
  • Acordo com o Brasil: Brasília fez acordo para entrar no consórcio.
  • Prazo estimado: Há diferentes prazos por se tratar de diferentes tecnologias estudas em conjunto.
  • Capacidade de produção: O suficiente para vacinar 20% da população de cada país membro em 2021
  • Estimativa Brasileira: Acordo do Brasil, prevê apenas vacinação de 10% da população do país.
  • Status da pesquisa: Pesquisa em andamento

Até o momento de produção deste texto, existem ainda mais 1 vacina norte-americana, uma outro vacina russa e mais 2 vacinas chinesas em Fase 3 de estudos. Países como: Austrália, França, Índia, Coreia do Sul, Canadá, Cazaquistão, Japão e também o grupo EUA – CHINA – REINO UNIDO, também possuiem vacinas em pesquisa, porém em FASE 1 ou FASE 2.

É importante lembrar que países detentores das tecnologias de pesquisa e produção de vacinas serão os primeiros imunizados e que todos no planeta almejam a vacina para imunizar as pessoas contra a COVID-19. 

Hoje no mundo, temos uma população de 7,79 bilhões de pessoas, segundo a estimativa feita pela OMS. O Brasil possui cerca de 220 milhões de habitantes, segundo IBGE, em 2020.

A expectativa é de que uma vacina que dê imunidade para a COVID-19 só seja capaz de estar disponível a toda a população do Planeta terra ao final de 2025, nas melhores previsões.

crédito da imagem: Unsplash

REFERÊNCIAS:

– Organização Mundial da Saúde, acesso em 25 de outubro de 2020. Disponível em: https://www.who.int/publications/m/item/draft-landscape-of-covid-19-candidate-vaccines

– Instituto Butantan, acesso em 25 de outubro de 2020. Disponível em: http://vacinacovid.butantan.gov.br/

– Sinovac Vaccine, acesso em 25 de outubro de 2020.  Disponível em: http://www.sinovac.com/

– University of Oxford – Content Vaccine covid, acesso em 25 de outubro de 2020.  Disponível em: https://www.ft.com/content/b15446e5-66f7-4e6a-947a-1b638769ff79

– The Lancet Infectious Diseases – Sputinik V, acesso em 25 de outubro de 2020. Disponível em: https://www.thelancet.com/journals/laninf/article/PIIS1473-3099(20)30709-X/fulltext

– Pfizer – Vaccine and prevention, acesso em 25 de outubro de 2020. Disponível em: https://www.pfizer.com/health-wellness/healthy-living/vaccines-prevention

– Moderna Tx Vaccine, acesso em 25 de outubro de 2020. Disponível em: https://www.modernatx.com/modernas-work-potential-vaccine-against-covid-19

– Folha de São Paulo, Jornal – Corrida das Vacinas, acesso em 26 de outubro de 2020. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2020/10/corrida-por-vacina-contra-covid-19-tem-cerca-de-200-candidatas-no-mundo-conheca.shtml

– Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, Estimativa população brasileira em 2020, acesso em 26 de outubro de 2020. Disponível em: https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-sala-de-imprensa/2013-agencia-de-noticias/releases/28668-ibge-divulga-estimativa-da-populacao-dos-municipios-para-2020#:~:text=IBGE%20divulga%20estimativa%20da%20popula%C3%A7%C3%A3o%20dos%20munic%C3%ADpios%20para%202020,-Editoria%3A%20Estat%C3%ADsticas%20Sociais&text=O%20IBGE%20divulga%20hoje%20as,77%25%20em%20rela%C3%A7%C3%A3o%20a%202019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *