Como montar uma drogaria: passo a passo

Como montar uma drogaria: passo a passo

Tempo de leitura: 4 minutos

Uma das grandes dúvidas do profissional Farmacêutico é em relação ao ter seu próprio negócio. Assim sendo, convidamos o Dr Jorge Luis Araújo, proprietário de uma Drogaria no DF, para nos relatar sua experiência como Empresário.

Dr. Jorge, qual valor aproximadamente é necessário para montar uma Drogaria de pequeno porte no DF  ?

No caso de Farmacêutico empreendedor do seu primeiro negócio sugiro iniciar com no mínimo R$ 80.000,00.

 Qual o primeiro passo a passo recomendado para uma pessoa que pretende montar uma drogaria?

 
O primeiro passo é montar um PNE (Plano de Negócio Estratégico), responder cada item com apoio dos amigos que já atuam na área e com um pouco de paciência e atitude conseguirá completar todo o PNE.

Quais os órgãos  de apoio que você recomenda que sejam procurados para o processo de abertura de empresa?

SEBRAE
CRF-DF
* Vigilância Sanitária
SINCOFARMA
SINTRAFARMA
ACREF-DF

* Procurar a Vigilância Sanitária correspondente a sua localidade

 
 Quais os órgãos de apoio ao  finaciamento você recomenda?

Recomendo procurar os bancos conveniados ao BNDS, pois existem excelentes linhas de financiamentos de projetos de apoio empresarial. Porém, o mais sugestivo é não iniciar o empreendimento com dívidas provenientes de empréstimos, procure juntar o recurso financeiro por um período e terá mais tranquilidade para trabalhar no próprio negócio.

Sobre a contratação de funcionários, quais dicas você daria ao empresário que está começando o negócio?

Comece com quadro fixo de funcionários (enxugado):

– 01 Farmacêutico responsável técnico e gerente (você mesmo);

– 02 Balconistas com experiência;

– 01 Motoboy com perfil dinâmico para atuar em outras tarefas quando necessário;

Sugiro que no primeiro mês tenha um quadro adicional (temporário):  2 operadores(as) de  caixa e 1 perfumista- estes funcionários entram no quadro como investimento de abertura de loja, ou seja, não são definitivos, são contratos temporários, sem vínculo, ou seja, de acordo com a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Obs.: após 90 dias, voce conseguirá com calma e se baseando em números, como volume de clientes atendidos e venda bruta atingida e a partir dos resultados tomar uma decisão se efetiva os temporários ou não.

Sobre a  parte física da drogaria, quais dicas de layout você sugere em relação a disposição dos medicamentos?
Procure dividir em 4 grandes grupos

1) MIPS – Medicamentos isentos de prescrição

Separar em subgrupos e em ordem alfabética. Exemplos: vitaminas, laxantes, digestivos, analgésicos, antigripais e etc.

Aprofunde seus conhecimentos sobre os medicamentos isentos de prescrição

 
2) Genéricos

Em ordem alfabética A – Z

3) Similares

Separar em subgrupos e em ordem alfabética. Exemplos: anti-inflamatórios, anti- hipertensivos, anti-histamínicos e etc.

4) Referências

Em ordem alfabética A – Z

Quais são os pontos positivos de ser um microempresário?

  • Facilidade de desenvolver habilidades técnicas da profissão Farmacêutica, como acompanhar a evolução dos pacientes a médio e longo prazo, isso já não acontece sendo empregado devido as recorrentes transferências de local de trabalho;
  • O sentimento desafiador que mês a mês faz o empreendedor a tentar conseguir atingir os resultados do negócio;
  • A possibilidade de não estagnar num salário fixo, esmagado pela inflação e crises na economia. Pois, após conseguir atingir o ponto de equilíbrio do negócio, com certeza você terá cada vez mais, ganhos acima dos proventos pagos aos assalariados empregados do setor.

Poderia elencar uma infinidades de pontos positivos, enfim, o desafio de ser empresário do próprio negócio é encantador e ao mesmo tempo desafiador.

Andréia entrevistando Jorge

Quais são as principais dificuldades que você enumera no seu dia a dia de empresário?

  • O poder de compra das grandes redes, que conseguem comprar das indústrias itens como medicamentos e produtos de perfumaria com uma diferença gigantesca;
  • Dificuldade de conseguir mão de obra qualificada, e, quando você consegue qualificar, aparece outra dificuldade: a de reter os talentos, pois muitos buscam outras oportunidades em empresas de grande porte;
  • Perdas, esta é uma palavra que sempre irá te acompanhar… O importante é estar sempre atento para que esta perda não afete incisivamente seu negócio, seja essa perda por assaltos, furtos, fraudes, avarias, vencimentos de produtos, etiquetas de preços errados e os contratempos com fornecedores e prestadores de serviços.

Quais segredos você recomenda para conquistar a clientela e tornar-se competitivo no mercado?

A imagem do Farmacêutico empreendedor precisa ser marcante dentro do negócio, procure ter presença forte baseando em 3 pilares:

Voz firme, olho no olho  e sorriso estampado.

Crédito da Imagem: Márcio Duarte

1 comentário


  1. Excelente dica e informação de alem de um grande farmacêutico e empreendedor! Parabéns pelas dicas.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *